Segurança no WhatsApp: saiba como proteger seus dados no aplicativo

Confira dicas valiosas para manter seus dados protegidos de golpes e aprenda a usar o WhatsApp muito mais segurança neste artigo

08/05/2018 às 9:00

Você tem estado atento à proteção dos seus dados nas redes sociais e aplicativos de mensagens? Já parou para pensar em quantas informações pessoais deixamos no WhatsApp, por exemplo, seja no cadastramento do aplicativo, seja nas conversas que trocamos por meio dessa plataforma? É importante pensar na segurança no WhatsApp, em como proteger seus dados.

Por questão de segurança, esse tema é muito importante. E, na verdade, é muito simples colocar em prática ações que tornam mais confiáveis o uso do WhatsApp.

Vamos falar a seguir de como as normas para uso dessas informações estão mudando, além de mostrar para você dicas importantes de segurança no WhatsApp. Desse modo, você pode usar o aplicativo com muito mais tranquilidade, sem perder em nada de suas funções.

Vamos lá?

Smartphone com o logotipo do WhatsApp

Com a popularização do aplicativo, é importante dar atenção para a privacidade dos seus dados. Imagem: Divulgação

Novas regras para o uso dos dados que você cede ao aplicativo

O destino dado às informações que cedemos a usar os apps de conversação está em foco nos últimos meses, sobretudo porque no dia 25 de maio entra em vigor na Europa o Regulamento Geral de Proteção de Dados (GDPR, na sigla em inglês).

Esse documento estipulará novas diretrizes para a coleta e processamento de informações de usuários de sites e redes sociais. Algumas empresas já anunciaram mudanças em suas políticas para se adequarem à nova lei, inclusive o WhatsApp. A empresa já elevou para 16 anos a idade mínima dos seus usuários na Europa, além de anunciar que está trabalhando na atualização de seus Termos de Serviço e Política de Privacidade.

Também está no radar uma atualização com a opção de download dos dados usados no aplicativo. A ideia é que essa ferramenta esteja disponível nas próximas semanas para todos os usuários da rede em todo o mundo, não apenas na Europa.

Atualização no WhatsApp permite baixar relatório de uso

A atualização no WhatsApp vem com o objetivo de tornar o usuário parte do processo de construção da segurança ao usar o aplicativo. Dessa forma, quem usa o app ficará por dentro não só dos novos direitos para coletar dados pessoais, mas também da forma como esses dados são utilizados e de como eles são protegidos pela empresa.

Quando disponível, para pedir o relatório, você só precisa ir no menu “Configurações”, escolher a opção “Conta” e clicar em “Solicitar dados da minha conta”. Em três dias no máximo as informações solicitadas são liberadas. No entanto, é importante destacar que o tal arquivo compactado não incluirá mensagens e não serve como um backup para as conversas mantidas pela plataforma, que são criptografadas.

O que você pode fazer para ter mais segurança no WhatsApp?

O WhatsApp é hoje o aplicativo de mensagem mais utilizado no mundo. Ele está tão inserido em nossa rotina que já virou sinônimo de troca de mensagens, ganhou apelidos carinhosos como “zap” e, em muitos casos, substitui as chamadas telefônicas tradicionais por suas mensagens de áudio, texto e troca de imagens. Por ser gratuito e de uso intuitivo, milhões de pessoas o usam inclusive como instrumento de trabalho. Seu alcance é gigante.

Por conta dessa massiva utilização e visibilidade, o WhatsApp desperta constantemente o interesse de pessoas inescrupulosas, que utilizam os recursos da ferramenta para aplicar golpes.

Para além de se manter atento aos termos e políticas de uso e ter baixado o arquivo que a nova atualização trará, existem medidas que você mesmo pode tomar para ter mais segurança no WhatsApp. A seguir, uma lista delas.

Mantenha o aplicativo atualizado

Se engana quem pensa que as atualizações servem apenas para trazer novas funcionalidades. De fato, as novas versões do aplicativo costumam trazer correções de segurança que são disponibilizadas periodicamente. Assim, instalar atualizações sempre que solicitado é fundamental para minimizar os riscos à segurança das mensagens.

Use a verificação em duas etapas para ter mais segurança no WhatsApp

Esse é um recurso relativamente novo do WhatsApp, já presente no Facebook. A verificação em duas etapas é um recurso complementar para aumentar a proteção da sua conta. Por meio dela, o usuário poderá cadastrar uma senha adicional que será exigida para que o app funcione em outros smartphones.

Duas telas de configuração do aplicativo Whatsapp, da verificação em duas etapas.

A verificação em duas etapas aumenta a proteção da sua conta, dando mais segurança no WhatsApp. Imagem: Divulgação

Para adicionar a verificação em duas etapas, faça o seguinte:

1 – Abra o WhatsApp.

2 – Vá em “Configurações” do app.

3 – Escolha a opção “Conta”.

4 – Escolha a opção “Verificação em duas etapas” e então “Ativar”.

5 – Informe uma senha de números apenas, e repita a digitação.

6 – A próxima etapa é opcional, onde você tem a possibilidade de informar uma conta de e-mail para a recuperação da senha. Se trata de uma opção, mas convém ter em mente que sem esse cadastro, caso você perca a senha do seu WhatsApp não terá como colocar outra senha e perderá sua conta em definitivo.

Com a verificação em duas etapas ativa, você tem uma segurança extra de maneira imediata para seu app.

Apague arquivos pessoais e senhas salvas quando for levar o aparelho para manutenção

Este é um cuidado simples que muitas vezes deixamos passar. Diante da necessidade de levar seu aparelho para ser vistoriado por terceiros, faça sempre um backup e apague todos os seus arquivos pessoais e senhas salvas antes. Isso garante que suas informações não cairão em mãos mal-intencionadas ou mesmo apenas curiosas.

Ative a encriptação de mensagens e chamadas no WhatsApp

Desde 2016 o WhatsApp implementou a encriptação de mensagem como medida extra de segurança para seus usuários. A encriptação é um sistema que protege as mensagens enviadas e recebidas de possíveis hackers. Através dela, as mensagens passam a estar acessíveis apenas a quem envia e quem as recebe, o que torna as suas conversas totalmente privadas, sem que o WhatsApp tenha acesso a elas.

Ao iniciar uma conversa no aplicativo, é normal aparecer a notificação da criptografia do app. Caso não aconteça, você pode ativar a encriptação você mesmo, tornando mais seguro o aplicativo.

Mensagem de aviso da encriptação de mensagens fornecendo maior segurança no WhatsApp

A encriptação torna a troca de mensagens mais seguras. Imagem: Divulgação

Ative a encriptação de mensagens no WhatsApp com os passos a seguir:

  1. Certifique-se de ter a versão mais recente do aplicativo. Para isso, basta conferir se tem alguma atualização pendente.
  2. Isto feito, abra o WhatsApp e no canto superior direito pressione os três pontinhos verticais. Na janela que abrir, clique nas Configurações.
  3. Vá em “Conta” e “Segurança”. Para ativar a encriptação do WhatsApp, clique em “Mostrar notificações de segurança”.
  4. Desse modo, a encriptação já está ativa no seu celular. Porém, para que ela funcione de ambos os lados, é preciso que a pessoa com quem você esteja conversando também tenha a função ativada. Assim que a outra pessoa também tiver esta opção ativa, cada um em seu celular deve entrar na conversa do chat e clicar em “confirmar” na mensagem que aparecerá na tela.
  5. O passo final é o escaneamento por QR Code como confirmação.

A encriptação é bastante simples de ser habilitada, sendo imposta pelo WhatsApp em toda conversa que se inicia. Para sua segurança, é importante ter sempre a encriptação ativa, tornando seu aparelho menos suscetível a ataques de hackers.

Não confie em brindes, promoções ou pedidos de ajuda por meio de apps

Fique atento a ofertas que parecem miraculosas demais, onde basta apenas você clicar em um link para ganhar algo incrível. Diariamente, inúmeros golpes são propagados dessa maneira no WhatsApp e nas redes sociais. Usando essa estratégia, golpistas conseguem seus dados e até mesmo o seu acesso ao aplicativo apenas por meio de um link. Desconfie sempre e procure se informar se é verdade a oferta oferecida. Já para evitar ser enganado por golpistas quando receber um pedido de ajuda, a dica é retornar a mensagem com uma ligação telefônica, assim se certificando de que o autor da mensagem é realmente quem está pedindo ajuda.

Agora ficou mais claro como ter mais segurança no WhatsApp, concorda? Com essas dicas, você pode usar o aplicativo em todas as suas funções, com a certeza de que seus dados estão totalmente protegidos. Aproveite também para ler o nosso artigo sobre dicas de segurança no uso do Facebook e torne a sua experiência digital muito mais confiável.

Gostou da notícia?

Veja mais sobre
mobileUtilidades
campo obrigátório

Cadastro efetuado com sucesso!

Em breve você receberá o melhor da tecnologia no seu email