Os games que foram assunto nos corredores da CCXP 2017

Além de reunir os melhores cosplay e mais de 200 mil fãs de cultura pop do Brasil, a Comic Con Experience reúne informação sobre o universo dos games.

Além de reunir os melhores cosplay e mais de 200 mil fãs de cultura pop do Brasil, a Comic Con Experience (CCXP), é sempre uma ótima fonte de informação sobre o que está acontecendo no universo dos games: quais os lançamentos mais esperados, os melhores do ano e os que já foram até lançados e, apesar de não terem ganhado tanto espaço na mídia, valem a pena.

A CCXP de 2017 não foi diferente. Diversos game entraram para a pauta dos corredores lotados da São Paulo Expo e depois de 4 dias de evento, segue a lista com alguns deles. Mas, antes de seguir lendo este texto, lembre-se de que a lista abaixo não é sobre os games que protagonizaram os combates da Arena Powered by Twitch – essa, você encontra no final da publicação.

Sem mais delongas, start.

O novo God of War

O novo God of War, claro, é o primeiro da lista. Afinal, além de ser um dos games mais populares do mundo, foi pauta dos painéis especiais sobre Arte dos Games, na sexta (8/12) e Como entrar no mercado dos Games no sábado (9/12). Ambos ministrados pelo brasileiro Rafael Grassetti, Diretor de Arte e Artista Principal na Sony Santa Monica e Bruno Velazquez, Diretor Principal de Animação de God of War.

Para quem não está por dentro deste universo, God of War é a menina dos olhos do PlayStation. Iniciada em 2005, a série de vídeo game assinada por David Jaffe se divide em seis jogos disponíveis em várias plataformas. A versão mais recente será lançada neste ano, no dia 22 de março.

Se você nunca teve ânimo para começar a jogar God of War, mas está afim de experimentar o que a narrativa tem para oferecer, não se preocupe. Você não precisará sofrer uma imersão de meses para compreender toda a jornada (de vingança) de Kratos.

Em conformidade com os designers da SIE Santa Monica Studio, responsáveis pelo último projeto, o novo God of War será um recomeço; não somente o personagem principal transmitirá outras emoções além de ódio e raiva, como quem está jogando conseguirá se relacionar de forma mais profunda com a história.

Novo Kratos será menos vingativo

Para a infelicidade de alguns fãs, o novo Game of War será fundamentalmente sobre paternidade. E isto significa que além de um visual totalmente novo, “Kratos deverá ser mais “vulnerável” do que em títulos anteriores, algo diferente da mentalidade de “destruir todos os deuses” de outros jogo da franquia”, de acordo com o site The Enemy.

iamgem do novo Kratos de God of War
Imagem: site oficial do God of War

Ainda segundo a fonte, Atreus, filho de Kratos, poderá ser usado como uma extensão das habilidades do protagonista e poderá ajudar o pai com seu arco e flechas. Já Leviathan, o machado de Kratos, poderá ser atirado contra inimigos para congelá-los e pode ser “invocado” de volta para as mãos do protagonista com um botão.

Imagem do filho de Kratos de Game of War, série de vídeo game
Imagem: True Gamer Revolution

Para acessar o Mapa da Jornada do jogo, clique aqui.

Dragon Ball FighterZ

Nós já comentamos sobre Dragon Ball FighterZ por aqui. E a expectativa do público é tão grande que obviamente o jogo de luta foi uma das principais pautas dos corredores da Comic Con 2017.

Na ocasião, a Bandai Namco e a Arc System Works disponibilizaram diversos Playstation 4 com o game e os visitantes puderam experimentar batalhas com personagens como Goku, Vegeta, Trunks, Gohan e os vilões clássicos Ginyu e Nappa. Através de um estilo de jogo de luta 2D, o novo game da história conta com gráficos que conseguem reproduzir com perfeição os traços do anime, e traz variadas mecânicas de golpes e combos.

Jogabilidade e Qualidade do game de Dragon Ball

Ainda não há muitas informações sobre jogabilidade e qualidade, muito porque o lançamento do game ainda não aconteceu – o título poderá ser adquirido a partir de 26 de Janeiro para PlayStation 4, Xbox One e PC via Steam. No entanto, se o game conquistar o público como a icônica obra de Akira Toriyama conquistou, os desenvolvedores já podem comemorar.

Com a data de lançamento batendo à porta, a Bandai Namco está divulgando vídeos que apresentam melhor a narrativa e fornecem mais informações sobre o game. O último foi no início do de janeiro e dá uma visão geral sobre os personagens. Assista:

Star Wars – Jedi Challenge

O game para Android e iOS não foi lançado na CCXP, isso é verdade. Ele foi anunciado pela Lenovo alguns meses antes, em agosto de 2017, mas acabou protagonizando algumas discussões durante a Comic Con e pouco antes do filme Star Wars – Os Últimos Jedi chegar nas salas de cinema. Ótima estratégia de Marketing, não é mesmo?

De qualquer maneira, Jedi Challenge merece sua atenção, principalmente porque você pode jogá-lo em qualquer situação. A única coisa que você precisa é de um smartphone eficiente, a possibilidade de investir (em torno de) R$ 600,00 e vontade de enfrentar algumas lutas para ser reconhecido como um jogador com habilidade Jedi.

Ao adquirir o game, você receberá uma caixa contendo um óculos Lenovo de Realidade Aumentada, mesma tecnologia do próximo jogo de The Walking Dead, um sabre de luz e uma baliza para rastrear seus movimentos durante o jogo.

imagem em PNG do kit do jogo mobile Star Wars - Jedi Challenge
Imagem: Lenovo

Com esses três itens mais o app que você precisa baixar no seu smartphone para conseguir jogar, sua single player experience ficará impecável. E financeiramente possível, pois ao contrário dos óculos de AR que existem por aí, a Lenovo fez questão de desenvolver, em parceria com a Disney, um produto que utiliza o que você já tem em casa justamente para poder chegar com um preço mais em conta.

Narrativa do game

Jedi Challenge, como o nome sugere, é sobre os desafios de se tornar um legítimo Jedi. Por esse motivo, com o incentivo sempre conveniente do C-3PO e algumas palavras sábias do Mestre Yoda, você “enfrentar vai” uma luta de sabre com os icónicos líderes do lado negro da Força, Darth Vader e Kylo Ren; usará poderes da Força para derrotar estrategicamente seus inimigos e vai experienciar diferentes níveis de dificuldade em seis planetas da galáxia.

Qualidade

Por tratar-se de um game de Realidade Aumentada, as expectativas em relação a qualidade são enormes. Portanto, saiba que o gráfico do jogo não é de tirar o fôlego, mas com a ajuda do headset da Lenovo, cumpre a função de ser imersivo e é muito similar ao holograma da princesa Leia Organa. Inclusive, acho que esse era o objetivo dos designers e desenvolvedores envolvidos no projeto: ser fiel ao universo da saga.

Cena do filme Star Wars que mostra R2-D2 mostrando um holograma de Leia para Luke Skywalker e Old Ben (Obi-Wan Kenobi)
Imagem: Timgander

Ainda sobre qualidade dos gráficos, dependendo do smartphone que você está utilizando, o rastreamento realizado pela baliza não ocorre da melhor forma e o oponente acaba ou muito distante, ou em cima de você durante a luta. E ninguém quer Darth Vader ou Kylo muito perto, não é mesmo?

Estão inclusos no kit

  • Lenovo Mirage AR headset
  • Sabre de Luz
  • Baliza para rastreamento
  • Suporte para smartphone
  • Bateria AA x2
  • Cabo de energia e Carregador

Smartphones compatíveis

Apple
iPhone® X, iPhone 8 Plus, iPhone 8, iPhone 7 Plus, iPhone 7, iPhone 6s Plus, iPhone 6s, iPhone 6 Plus e iPhone 6.

Android
Samsung Galaxy S8, Galaxy S7 edge, Galaxy S7, Google Pixel XL, Google Pixel, Moto Z² Force Edition e LG G6

Se você não é muito fã de jogar no smartphone, a solução é experienciar o universo Star Wars no console através do BattleFront 2. A trama do game se passa entre os episódios VI e VII e o jogador poderá lutar contra (ou ser) os vilões e heróis icônicos da saga.

Por fim, e conforme mencionado no início do texto, segue o post com a lista de games que estiveram na Arena Powered by Twitch, promovido pela The Enemy BR.

 



Veja mais sobre