Melhorar Wi-Fi em casa é importante em tempos da Covid-19

Veja o que você pode fazer para melhorar Wi-Fi e ter sinal potente em todos aposentos e para todas pessoas da sua casa.

20/04/2020 às 9:00

Eventualmente, se você está trabalhando em casa ou, de qualquer maneira, ficando mais tempo em casa por causa da pandemia da Covid-19, é muito importante ter um Wi-Fi funcionando perfeitamente e com a maior velocidade possível. Por isso, vamos ver alguns métodos para melhorar Wi-Fi em sua residência. 

Como melhorar Wi-Fi?

Meça a sua velocidade

Então, a primeira coisa a fazer é verificar exatamente a velocidade ou largura de banda da sua rede Wi-Fi. Todavia, há uma maneira muito fácil de fazer isso. Em suma, acesse do seu computador ou laptop o site da fast.com. Basta acessar o site para ele medir a velocidade da sua conexão.

Contudo, é bom lembrar que a medição da velocidade se aplica ao local onde está o aparelho. Verifique, desse modo, a velocidade em vários pontos da casa: no local onde você trabalha e na sala de estar onde se assiste o streaming de vídeos ou jogos.

Print de um celular usando o site Fast para medir e assim melhorar Wi-Fi.
Velocidade de Wi-Fi medida em um celular pelo site da Fast.

Após esse teste em várias partes da casa, você vai notar que existem pontos, distantes do roteador ou separados por muitas paredes, em que a velocidade vai ser bem menor. Vamos ver mais adiante como melhorar Wi-Fi nesses pontos distantes.

Quanta velocidade você precisa?

Porém, o que é uma velocidade boa suficiente para que você trabalhe, enquanto seus filhos usam streaming ? Em síntese, para fazer uma videoconferência você deve consumir cerca de 5 a 15 megabytes de sua banda. E outros 5 a 15 MB serão utilizados em cada aparelho que estiver fazendo streaming.

Segundo a Netflix, a banda mínima para assistir um filme ou série em qualidade HD é de 5 MB disponíveis. Dessa maneira, para ter a possibilidade de ter três aparelhos simultaneamente conectados ao Wi-Fi, o ideal é ter, pelo menos, 35 MB de velocidade.

Banda suficientemente larga

Por outro lado, quando se fala de melhorar Wi-Fi, quanto mais velocidade melhor. E por esse motivo, salientamos que a melhor maneira de melhorar Wi-Fi é então comprar, de seu provedor de internet fixa, uma banda suficientemente larga. Eventualmente planos com 30 MB já não são mais viáveis para a maioria das famílias.

Outro detalhe importante: confira se os aparelhos estão conectados na rede que você imagina que eles estejam. Em outras palavras, celulares podem, sem motivo aparente, desconectar-se da rede Wi-Fi e usar o seu plano de dados móvel, com menos velocidade e gastando sua franquia.

Melhorar Wi-Fi movendo o roteador

Não é incomum que o roteador esteja localizado em um canto da casa ou apartamento, bem onde o cabo da fornecedora entra na residência. Em princípio, essa é a pior localização possível. O Wi-Fi não passa, em suma, de ondas de rádio de curto alcance. Assim, deve estar próximo dos dispositivos que vão utilizá-lo – computadores, notebooks, tablets ou celulares.

Imagem de um roteador em cima de uma mesa na sala.
O roteador funciona melhor próximo do usuário.

Se esse for o seu caso, procure localizar o roteador em um ponto intermediário entre a sala de estar e o local onde você trabalha. Se for necessário mais cabo, não há problema nenhum em aumentá-lo. Não se esqueça de manter o roteador sempre longe de grandes peças de metal, como geladeiras ou fornos de micro-ondas.

Não deixe próximo de água

Ao mesmo tempo, é bom saber que o Wi-Fi não se dá muito bem com água. Por isso, se você tiver um aquário, não deixe que esse fique no caminho das ondas de rádio.

Mova seu roteador para melhorar Wi-Fi e faça novas medições de velocidade até que encontre o ponto ideal que cubra a maior parte da residência.

Canal e frequência para melhorar Wi-Fi

Ainda são possíveis outras duas modificações para melhorar Wi-Fi em sua casa. A primeira é mudar o canal em que sua rede de Wi-Fi está funcionando. Aliás, isso é particularmente importante se você mora em um prédio de apartamentos próximo de muitas outras redes de Wi-Fi. Dessa forma, uma rede pode causar interferência sobre a outra.

Troque o canal e veja se você obtém melhores resultados. Todavia, se o seu roteador for de modelo bem atualizado, isso pode ser dispensável uma vez que ele já deve ser projetado para procurar o canal mais eficiente.

Frequência de 2,4 ou 5 GHz

Igualmente é possível mudar a frequência em que opera o seu roteador, de 2,4 GHz para 5 GHz. A frequência de 2,4 GHz é a mais antiga, menos poderosa e mais suscetível a interferências de aparelhos como micro-ondas.

A frequência de 5 GHz é mais moderna e poderosa. Contudo, ela não é muito boa para atravessar paredes e viaja a distâncias menores que a rede de 2,4 GHz. Em resumo, você escolhe se necessita de sinal que chegue a distâncias maiores ou de sinal mais poderoso, sempre próximo do roteador.

Configurações do roteador

Todavia, você não sabe como fazer essas mudanças nas configurações do roteador. Não se preocupe, porque nós já publicamos um artigo explicando sobre como acessar essas configurações e fazer todas as mudanças necessárias.

O mesmo texto, aliás, ensina como mudar a senha de seu roteador para melhorar Wi-Fi, aumentando a segurança da sua rede doméstica.

Repetidores e powerline

Mas, mesmo fazendo tudo isso, você ainda não consegue sinal de Wi-Fi com a velocidade desejada nos aposentos mais distantes de sua casa? O que fazer? Você tem, em resumo, três opções: apelar para repetidores de sinal, sistema powerline ou roteadores Mesh.

Imagem de roteadores Mesh.
Roteadores Mesh levam o sinal a toda a casa.

Um deles certamente vai resolver seu problema. O mais simples e barato é o uso de repetidores, enquanto o uso de powerline exige alguma mão de obra. Já os roteadores Mesh são o sistema mais moderno e eficazes.

Quer saber mais? Temos um artigo contando tudo sobre repetidores e powerline. E ainda uma matéria sobre os melhores modelos de roteadores Mesh. Pronto, agora você já sabe tudo para melhorar Wi-Fi em sua casa. Então, aproveite e descubra ainda como conectar sua impressora ao wi-fi.

Gostou da notícia?

Veja mais sobre
internetUtilidades
campo obrigátório

Cadastro efetuado com sucesso!

Em breve você receberá o melhor da tecnologia no seu email