5 alternativas de games para pessoas com deficiência

A indústria do videogame não costuma dar muita atenção às pessoas com deficiência. Mas isso vem mudando. Conheça algumas alternativas de jogo!

24/01/2019 às 17:00

Muito se fala sobre a acessibilidade, mas será que ela já é uma realidade na vida dos que necessitam dela diariamente? Em muitos aspectos, ainda é difícil encontrar a inclusão para pessoas com deficiência. Sobretudo na indústria do entretenimento. Desse modo, os games para pessoas com de deficiência são raros, de atualizações quase inexistentes.

Entretanto, mesmo com este nicho de mercado sendo majoritariamente negligenciado, ainda podemos encontrar alguns avanços. São jogos que começam como projeto de estudo, oferta de mercado ou até mesmo como uma ideia de comunidade.

Veja a seguir algumas alternativas de games para pessoas com deficiência. Você vai se surpreender!

5. Um adaptador para games de corrida

Como jogar um game de corrida se você tem dificuldade de enxergar a pista?

Uma solução para esse entrave está perto de ser lançada no mercado. Se trata do RAD, Racing Auditory Display (expositor auditivo de corrida, no português), um adaptador para games de corrida. Com ele, o deficiente visual pode curtir o mesmo jogo sem nenhum problema.

Games para pessoas com deficiência.

O RAD “traduz” o jogo sensorialmente para pessoas com deficiência visual.

Como? O RAD usa uma interface de som que permite ao jogador com deficiência visual se localizar em uma pista mesmo que não a veja. Ou seja, ele “traduz” sensorialmente o jogo.

O adaptador funciona misturando técnicas de sonorização. Uma delas modifica o volume e frequência de acordo com a velocidade do carro. Além disso, a ferramenta dispõe de áudio multidirecional para indicar as laterais da pista. O conjunto de técnicas cria um ambiente de som 3D, semelhante ao usado em cinema e óculos de realidade virtual.

O sistema foi criado por Brian Smith, um estudante de pós-graduação da Columbia Engineering. Adaptável. E o melhor: o RAD pode ser facilmente adicionado à maioria dos jogos de corrida disponíveis no mercado.

No entanto, o RAD ainda deve ser apresentado em algumas conferências internacional de computação, até que seja eventualmente vendido para alguma marca e lançado ao público.

4. O game Novos Olhos, para Android

É fato. Quando se fala de jogos de videogame, a questão gráfica pesa bastante. Afinal, é difícil imaginar jogar alguns títulos sem o auxílio da visão. Pensando nisso, alunos do curso de Jogos Digitais da Fatec de Carapicuíba (SP) criaram um game exclusivo para pessoas com deficiência visual.

Se trata do “Novos Olhos”, joguinho para smartphone que traz a história de André. Após acordar de um congelamento, o personagem precisa se adaptar à uma nova realidade. O jogador pode controlar o personagem e realizar diversas tarefas, tudo por meio de instruções sonoras e controles localizados nas extremidades da tela. Além disso, o jogo ainda conta com efeitos 3D para ajudar os jogadores a identificar onde está sua origem.

Games para pessoas com deficiência.

Um game de celular para pessoas com deficiência visual feito no Brasil!

Disponível para Android, mas por falta de patrocínio o jogo ainda não está na Google Play. Porém, você pode baixar “Novos Olhos” por este link direto e instalar manualmente no seu celular. Aliás, você sabe quais são os melhores joguinhos de celular do momento? Confira clicando aqui!

3. A Deaf e-Sports League, primeira liga de e-Sports para surdos

Para um surdo, é complicado jogar online, já que ele precisa digitar o texto e jogar ao mesmo tempo. Por isso, é comum que jogadores com essa deficiência física se sintam prejudicados ao jogar em grupo.

Uma saída para esse problema é criar grupos apenas de surdos para jogar online. Foi com essa ideia que Vanderley Júnior criou a Deaf e-Sports League, a primeira liga de e-Sports voltada à comunidade surda. Dentro dessa comunidade, o jovem de 31 anos pode jogar à vontade, criar torneios e interagir com os amigos.

Games para pessoas com deficiência.

A Deaf procura unir os games com deficiência de audição.

Através do site da comunidade, é possível se cadastrar ou apenas se inteirar dos torneios dentro da liga. Além disso, uma coluna lateral mostra quem são os melhores jogadores da temporada dentro da Deaf e-Sports League.

O Fortnite está bombando entre as comunidades gamers. Você pode baixar o jogo para Android, saiba como neste link.

2. Uma sala de Escape adaptada para deficientes

Os jogos de Escape são uma grande sensação atualmente. Saindo do virtual, a ideia consiste em um jogo interativo que acontece simulando um acontecimento real. Assim, os participantes ficam “presos” em uma sala e só saem dela após desvendar corretamente códigos e pistas. Para isso, eles contam com o tempo máximo de 60 minutos. Se demorar mais do que isso, é game over!

Games para pessoas com deficiência.

Corra contra o tempo nos jogos de Escape!

Em São Paulo, o The Escape Game, é referência no jogo. Situado na Vila Mariana, o empreendimento se destaca por priorizar a inclusão, ao dar acesso a pessoas com deficiência aos seus jogos. Recentemente, uma parceria foi firmada com a Laramara (Associação Brasileira de Assistência à Pessoa com Deficiência Visual). Desse modo, agora o local tem acessibilidade também para pessoas com deficiência visual.

Além disso, o The Escape Game proporciona acessibilidade às pessoas com deficiência física. Para tanto, o local oferece carro escalador, que dá acesso aos cadeirantes a toda área. Assim, das quatro salas temáticas, duas têm acesso a cadeirantes.

Desse modo, pessoas com deficiência podem se divertir com familiares e amigos nos jogos interativos da casa. Para jogar no The Escape Game, basta fazer sua reserva pelo site da empresa.

1. XBOX lança console inclusivo

Atenta às necessidades do mercado, recentemente a equipe do Xbox da Microsoft anunciou o lançamento de um console inclusivo. Para desenvolver o Xbox Adaptive Controller, que busca atender pessoas com deficiência, a marca firmou parceria com nomes como AbleGamers, Craig Hospital e Cerebral Palsy Foundation, dentre outros.

O lançamento é inovador, não lembrando em nada os controles padrão. No entanto, o produto vem para tornar os jogos mais acessíveis do que nunca.

Games para pessoas com deficiência.

O Xbox Adaptive Controller é o novo console inclusivo da Microsoft.

O console conta com uma estrutura grande, lisa, que pode ser acomodada no colo do jogador ou outra superfície, apoiando-se em quatro pés emborrachados. Desse modo, a intenção é dar ao gamer o máximo de possibilidades de adaptação, atendendo assim as necessidades de mobilidade de cada um. Além disso, os botões do console requerem menos força e menor precisão, dispondo também de uma superfície maior.

Com o controle, todos podem jogar. É uma mudança enorme no cenário dos games. Não é preciso adaptar jogo nenhum, o controle faz por você o trabalho de ajustar seus movimentos durante a partida. Um produto perfeito para jogar com a família e tornar acessível todo o jogo virtual que se imaginar.

Segundo a Microsoft, o Xbox Adaptive Controller deve estar disponível no mercado ainda esse ano.

Concluindo…

A indústria dos games ainda tem muito caminho pela frente até poder se declarar verdadeiramente inclusiva. Enquanto isso, os próprios gamers encontram seu jeito de viver sua paixão pelos jogos. Para tanto, eles mesmo desenvolvem seus games e alternativas a eles, além de criar grupos para sua comunidade.

No entanto, ainda há esperanças quando vemos lançamentos como o da Microsoft, com seu console inclusivo para XBOX.

É fã de Steam? Descubra quais são os jogos online mais vendidos por lá em 2018! E continue com a gente para mais novidades no mercado de videogames!

Gostou da notícia?

campo obrigátório

Cadastro efetuado com sucesso!

Em breve você receberá o melhor da tecnologia no seu email