Dia do Solteiro na China: oportunidade para aproveitar a tecnologia

O Dia do Solteiro na China se tornou um fenômeno mundial de vendas, superando Black Friday e Ciber Monday. Saiba o que esperar da edição 2019.

09/11/2018 às 17:00

Foram 10 bilhões de yuans (US$ 1,51 bilhão) vendidos em pouco mais de três minutos. Aliás, a extravagância só podia vir da China, mais precisamente do e-commerce Alibaba, no evento de abertura do Dia do Solteiro de 2017. Um novo fenômeno anual de vendas online com superdescontos, que acontece sempre no dia 11 de novembro.

A data já se tornou a maior vitrine de compras do mundo, superando até mesmo as vendas da Black Friday e da Cyber Monday. Depois que a ação acabou no ano passado, o Alibaba, líder chinês do e-commerce, bateu seu recorde de vendas na data. Assim, foram mais de US$ 25,3 bilhões. Para se ter uma ideia, as duas principais datas do varejo americano somaram juntas US$ 5,8 bilhões. Nada mal para apenas 24 horas de ação, hein?

Centro de distribuição chinês dispara encomendas para o Dia do Solteiro.

Centro de distribuição chinês dispara encomendas para o Dia do Solteiro, na China.

Veja algumas curiosidades do evento do ano passado:

  • Mais de 90% das transações registradas pela plataforma de pagamentos online do Alibaba foram por celular;
  • No auge de vendas foram registrados 256 mil pagamentos por segundo;
  • Em 24 horas, o site vendeu uma quantia equivalente ao PIB do Afeganistão ou de Honduras;
  • Participaram mais de 100 mil lojas. Quando surgiu em 2009, eram apenas 27 marcas;
  • A empresa de entregas do grupo processou 657 milhões pedidos e chegou a registrar 175 mil ordens por segundo.

O Dia do Solteiro se tornou uma verdadeira sensação do país, inspirando outros países, como o Brasil. Por aqui, as promoções são disponibilizadas através do portal AliExpress.

Na China, tudo começa com uma contagem regressiva poucos minutos depois do final de uma enorme festa em Xangai. Lá, personalidades internacionais incentivam os chineses a participar da data que mais registra vendas online no mundo todo.

O Dia do Solteiro na China

A tradição chamada localmente de “Guanggun Jie” começou provavelmente em 1993. Quando estudantes da Universidade de Nanquim organizaram um evento contrário ao Dia dos Namorados ocidental. A explicação para a data escolhida, em 11/11 são os quatro “uns”, fazendo referência aos solteiros.

Logo a moda se espalhou, e hoje é comemorada por todo o país. Porém, tudo aumentou muito em 2009, quando o Alibaba passou a oferecer descontos aos solteiros que queriam se presentear. Inegavelmente a cada ano a ação ganha mais força, superando outras datas do comércio mundial e a si própria. Afinal para os chineses, fazer compras é puro entretenimento, especialmente no Dia do Solteiro. Certamente tudo fica mais fácil porque a renda dessa faixa de público ajuda muito. Um impulso e tanto para bater novos recordes.

Dia do Solteiro na China.

O site de compras Alibaba ajudou a popularizar o Dia do Solteiro, a partir de 2009.

As novidades para 2018

O Alibaba preparou em torno de 600 mil pontos de venda para vender mercadorias e enviar bilhões de encomendas a clientes de todo o país. Assim, se espalham pela cidade, aumentam sua atuação, poder de atração em todos os meios e estão perto em todos os sentidos.

De fato, para o país, que é famoso mundialmente em produção de massa e cópias fiéis, o Dia dos Solteiros deste ano vai ser uma boa oportunidade para testar novas estratégias. Além disso, mostrar aos consumidores que o online e o offline podem funcionar juntos.

Outra novidade é a conexão de lojas de bairro à internet. Com toda certeza, serve como estratégia da Alibaba para agitar o mercado de varejo da China, além de estimular o comércio eletrônico do país. Tendência global do varejo, a ideia é unir realidades on e offline, fazendo os pedidos pela internet, mas conhecendo pessoalmente as mercadorias.

Isto é, uma experiência de compra completa, onde são extraídas valiosas informações do consumidor. Similarmente, novidades do varejo on e offline estão sempre na pauta, como o marketplace, que se tornou uma febre! Você sabe o que é? A gente explica.

Sucesso no pedido, sucesso na entrega

Dia do Solteiro na China.

O enorme sucesso de vendas no dia do solteiro, que gera trabalho para o país inteiro, tem um responsável: o smartphone. Com essa facilidade em mãos o tempo todo, fica muito mais simples e fácil comprar e pagar. Sem falar que a comunicação foi ampliada e pessoas do mundo inteiro podem participar dessa festa do varejo chinês. De acordo com dados divulgados pelo Ministério da Indústria e Informatização da China no ano passado, o país tinha 950 milhões de usuários de rede 4G.

Além disso, trens de alta velocidade, para transporte de passageiros, terão mais vagões para levar produtos vendidos online. A Associação de Entrega Expressa da China deixa disponíveis 24 trens de alta velocidade para transportar 48 toneladas de carga durante o período. Isso aumenta consideravelmente a velocidade de entrega e reduz os custos. As proporções chinesas de tecnologia e população ajudam muito a incrementar todos esses números megalomaníacos.

Aproveite as promoções mesmo no Brasil

Dia do Solteiro na China.

Se você quiser aproveitar as promoções chineses, uma dos sites a ficar de olho é o AliExpress.

Sempre conectados à internet, também temos a chance de aproveitar as oportunidades chinesas daqui do Brasil. Por volta de 22 milhões de brasileiros realizaram compras no exterior pela internet no ano passado, 40% do total de clientes do comércio eletrônico.

Se você está acostumado a comprar no AliExpress, sabe dos cuidados que deve tomar: pesquisar dentro do site os melhores vendedores, comparar preços de produto e entrega, verificar os reviews dos compradores e ter paciência para esperar a entrega. E saber que você vai ser taxado. Todas as encomendas que chegarem ao Brasil pelo serviço postal estão sujeitas à cobrança de uma taxa extra de despacho, no valor fixo de R$ 15.

Além do AliExpress, outros sites podem ser acessados daqui para compras no dia do Solteiro na China. Fique ligado no JD, no Yihaodian, e no Alibaba. Os dois primeiros está em chinês, mas dá para usar o Google Tradutor para ajudar a se encontrar no site. Já o Alibaba tem uma versão em português.

Se você também está ansioso pela Black Friday, vai gostar muito deste texto que preparamos aqui para o Vivo Tech para você se preparar para a data. Fique por dentro também de nossas dicas para economizar em compras online e aproveite todas as melhores oportunidades dos seus e-commerces favoritos!

 

Gostou da notícia?

Veja mais sobre
e-commercetendências
campo obrigátório

Cadastro efetuado com sucesso!

Em breve você receberá o melhor da tecnologia no seu email