Internet: saiba como a conectividade influencia a sua vida

Há limites para a conectividade? Mostramos aqui os principais dados do setor e de quais maneiras é possível encontrar um equilíbrio entre vida on e off.

05/11/2018 às 17:00

Se estiver dirigindo e se perder, o app de rotas logo resolve o problema. Para marcar algo com os amigos, basta mandar uma mensagem no grupo de WhatsApp. Pagar contas? Pelo aplicativo ou site. Já parou para pensar que a internet e a conectividade está em muitos momentos do seu dia?

No mundo inteiro há mais de quatro bilhões de pessoas conectadas, de acordo com o estudo Digital in 2018: World’s Internet, levantado pelo Hootsuite e pela We Are Social. Só o Brasil conta com cerca de 139 milhões de usuários. É muita gente navegando na web.

Conectividade: como manter um equilíbrio?

Brasileiros ficam muito tempo navegando na internet.

Ainda segundo a pesquisa, o brasileiro passa mais de 9 horas por dia conectado (seja pelo celular, tablet ou computador). Para se ter uma ideia, esse período equivale quase a uma viagem de avião de São Paulo a Lisboa, em Portugal. É como se você fosse para a Europa todos os dias, só pela quantidade de tempo que passa em frente à uma tela.

Conectividade: como manter um equilíbrio?

Brasileiros passam mais de nove horas diárias na internet.

Aliás, o Brasil é o terceiro país que passa mais tempo online. Perdeu apenas para as Filipinas (9h24) e Tailândia (9h38).

Então, o ideal é diminuir esse tempo? A resposta é sim. O motivo é simples: é fundamental encontrar um equilíbrio entre a vida virtual e o mundo real. Isso porque, mais do que nunca, é importante ter experiências reais, estar perto das pessoas que gosta, praticar exercícios físicos e conviver com o meio. É isso mesmo que você leu aqui: desconectar-se um pouco é preciso (e muito saudável).

A seguir, apresentamos diferentes dados importantes sobre conectividade. E, principalmente, como ela está presente em diferentes momentos da sua vida. Siga conosco.

Frequência da conectividade

O estudo mostra que 85% dos brasileiros consultados acessam a internet todos os dias. Pense nas atividades diárias que você faz: comer, tomar banho, dormir, ir trabalhar… Não são muitas que se repetem todos os dias. E navegar na web é uma delas.

No Brasil, o dispositivo mais usado para isso ainda é o computador (com 67% da preferência). Logo em seguida aparecem os celulares (com 32%), tablets (1%) e outros dispositivos (0,15%). Já no mundo inteiro, o mobile é o queridinho da maioria (52%).

Conectividade: como manter um equilíbrio?

Computador ainda é o dispositivo mais usado para acessar internet no Brasil.

Mais acessados

Já parou para pensar qual site você costuma entrar mais? Pois o campeão de acessos no Brasil é o Google. Aliás, quem não “joga”, pelo menos uma vez ao dia, algo no site de buscas mais famoso do mundo?

Conectividade: como manter um equilíbrio?

Google é o site mais acessado entre os brasileiros!

Isso justifica a preferência – e mostra como a internet está presente na sua rotina. Afinal, muitas vezes dependemos da “resposta” do Google para resolver algum tipo de problema. Em seguida, aparecem Facebook, YouTube, Google.com, Globo e UOL.

Redes Sociais

Das 139 milhões de pessoas com acesso à internet, 130 milhões são ativos nas redes sociais. Ou seja, a maioria esmagadora. Esse número mostra que as relações também mudaram. As pessoas se comunicam cada vez mais pela internet, por meio de seus perfis.

Conectividade: como manter um equilíbrio?

Redes sociais mudaram o jeito das pessoas se relacionarem.

O WhatsApp, por exemplo, mudou a forma como as pessoas conversam. É algo prático, capaz de reunir muitas pessoas em um grupo só e dar o mesmo recado ao mesmo tempo. Aliás, o app mensageiro é o terceiro mais ativo do país. Perde apenas para o Facebook e para o YouTube.

No mundo todo, um novo usuário se cadastra nas redes sociais a cada 11 segundos (um aumento de 13% em comparação ao ano passado). Para se ter uma ideia, uma panela com água demora quatro minutos para ferver. Enquanto você faz o seu chá, por exemplo, cinco pessoas passaram a fazer parte de uma rede.

Conectividade: como manter um equilíbrio?

É isso mesmo que você leu: a cada 11 segundos, uma pessoa se cadastra em uma rede social!

Os países que mais viram o volume crescer foram Arábia Saudita, Índia, Indonésia, Gana, África do Sul e Vietnã.

Celular

O smartphone tem um papel importante no aumento de consumo de internet. Afinal, é muito mais fácil começar a navegar. Antes, era preciso ligar um computador, por exemplo. Hoje, basta tirar o aparelho do bolso e se conectar.

Conectividade: como manter um equilíbrio?

O celular aproxima a internet das pessoas, a qualquer hora do dia.

Mas e o que você faz quando usa o celular para navegar na internet? Segundo o estudo, 59% da população se comunica por meio dos apps de mensagens (WhatsApp e Messenger). Além disso, 57% disseram que gostam de ver vídeos, 43% jogam, 35% acessam as suas contas bancárias e 48% usam os serviços de mapa.

Compras na internet

Além de conversar e navegar pelas redes sociais, a internet também é bastante usada diariamente para compras. Os e-commerces estão em alta no mundo! De acordo com a pesquisa, 58% dos entrevistados buscam produtos na web – e 45% já fizeram algum tipo de compra. O setor que fatura mais é o de vestuário, seguido por eletrônicos e viagens.

Conectividade: como manter um equilíbrio?

Comprar pela internet é uma realidade.

E você, já comprou algo virtualmente? Aliás, encontrar o produto ideal exige pesquisa. E assim mais tempo na web é contabilizado.

Concluindo

A internet está presente no dia a dia! E não só para em questão de lazer, mas muitas vezes por facilidade e até mesmo necessidade. É uma ferramenta essencial de busca, para mostrar caminhos, resolver problemas corriqueiros, tirar dúvidas e muito mais. Porém, o excesso pode ser prejudicial à saúde.

Saber navegar na medida certa é a melhor forma de aproveitar todos os momentos, dentro e fora do ambiente virtual. Aliás, fizemos uma matéria recentemente mostrando como é possível verificar quanto tempo você gastou com Instagram e Facebook. E siga com a gente aqui no Vivo Tech para mais conteúdos como esse.

Gostou da notícia?

campo obrigátório

Cadastro efetuado com sucesso!

Em breve você receberá o melhor da tecnologia no seu email