Como evitar que seu celular seja invadido por vírus

Os vírus podem atacar smartphones também, além de computadores. Saiba como evitar ataques e aprenda o que fazer se seu aparelho de celular for infectado.

01/06/2018 às 15:00

Tem notado que seu celular está lento demais, travando ou deixando de rodar determinado aplicativo? Isso pode ser um sinal de que ele foi infectado por vírus. Esses são alguns dos problemas que os vírus podem causar nos smartphone, além do descarregamento de bateria e até roubo de dados e informações pessoais.

Como o Dia da Imunização está próximo (é em 9 de junho!), estendemos o alcance da data para pensar em como imunizar nossos gadgets. Afinal, eles fazem parte da nossa vida e são fundamentais na maioria das atividades que desempenhamos, devendo estar sempre protegidos contra possíveis ataques. A seguir, falaremos sobre como evitar que seu celular seja invadido por vírus e o que fazer caso isso eventualmente ocorra.

Vamos lá?

Cuidados para evitar vírus

Alerta de vírus: saiba como proteger seu celular

Os celulares são atacados por vírus da mesma forma que os computadores ou tablets: peloacesso à internet. E como estamos constantemente conectados, o risco acaba sendo maior. O resultado disso é que pesquisadores de telecomunicações calculam que só no ano passado cerca de 12 milhões de celulares em todo o mundo foram infectados por vírus dos mais variados tipos.

Para evitar fazer parte dessa estatística, é preciso alguns cuidados simples, que deixarão seu celular livre do risco de danificar o funcionamento de seu sistema. Proteger seu smartphone de vírus é muito mais fácil do que você imagina. Eis algumas dicas:

Instale um antivírus potente

Prevenir é melhor do que remediar, por isso instale um antivírus. A internet oferece milhares de ameaças aos usuários e, por isso, a importância de ter um antivírus instalado é enorme. Sem um aplicativo do tipo, seus dados ficam vulneráveis.

Os aplicativos de vírus para celular funcionam de modo similar aos programas desse tipo para computador. Procure por um app de confiança, e que também não pese na memória do seu sistema. Entre os mais indicados estão o Security Master, o Avast Mobile Security & Antivirus e, por fim, o Bitdefender Mobile Security.

Além de proteger seu smartphone de ameaças externas, esses programas são uma ótima pedida para manter seus arquivos sob controle, de modo que você tenha total domínio sobre o que é baixado e sobre a procedência dos anexos que têm contato.

Não baixe aplicativos de procedência duvidosa

Não deixe que nada entre no seu aparelho sem que você permita. Só instale programas distribuídos por lojas oficiais como Google Play Store, App Store e Windows Store. Alguns aplicativos surgem como febre, com ofertas de edição de imagens divertidas e, em troca, sem que você saiba, roubam seus dados a cada acesso. Procure sempre analisar a procedência e as resenhas recebidas pelo aplicativo antes de fazer o download para o seu celular.

Redobre a atenção na hora de usar conexões compartilhadas

Caso você precise conectar seu celular a cabos USB em computadores desconhecidos ou se houver a necessidade de acessar aquelas redes de Wi-Fi compartilhadas, como as de shoppings e restaurantes, por exemplo, tenha o máximo zelo.

Essas conexões são portas de entrada para que seus dados fiquem vulneráveis a ataques, sendo passível de invasão de estranhos aos seus dados e informações pessoais. Ao usá-las, procure ser o mais breve possível, utilizando apenas para o necessário e já desconectando logo em seguida.

Será que é realmente um vírus?

Proteja seu celular de qualquer tipo de vírus

Se mesmo tomando todas essas medidas de segurança você notar que seu celular ou tablet não está funcionando da maneira que deveria, pode ser que seu aparelho tenha sido infectado.

No entanto, é importante lembrar que nem tudo é vírus. Problemas de travamento, por exemplo, podem ser causados apenas por falta de memória. Para ter certeza de que é um vírus que está comprometendo o funcionamento do seu celular, se faça as seguintes perguntas:

  • Quando o problema começou? Foi após baixar algum aplicativo ou arquivo?
  • Você instalou recentemente um aplicativo de algum servidor não-oficial?
  • Clicou sem querer em algum anúncio ou baixou um aplicativo que não queria?

Se o “sim” é a sua resposta para algumas das suas perguntas, então é mais provável que seu smartphone esteja com vírus.

A boa notícia é que existem modos de contornar essa situação indesejável.

O que fazer caso seu celular seja infectado

Não se desespere! Ter calma é essencial para resolver o problema

Em caso de problemas de funcionamento, a primeira solução que nos vem à mente é resetar o sistema do celular. Se trata de uma medida drástica, já que, ao resetar o seu aparelho, você faz com que ele volte às configurações originais de fábrica e acabe perdendo todos os seus dados e arquivos pessoais como fotos, vídeos, músicas, mensagens, etc.

O que poucos sabem, porém, é que é possível remover um vírus de um aparelho Android sem precisar fazer essa restauração mais profunda e zerar seus arquivos. A gente ensina a seguir.

Instale e faça uma varredura com um antivírus

Na primeira suspeita de vírus, faça uma varredura com o antivírus instalado no seu aparelho. As chances de que o aplicativo encontre e resolva o problema por si só são grandes, e com isso você já fica livre do app malicioso que invadiu seu sistema. Se perceber que não funcionou, tente a remoção manual.

Delete manualmente os aplicativos suspeitos com o Modo de Segurança

O sistema Android tem um Modo de Segurança, assim como o Windows, que deve ser usado quando em caso de suspeita de infecção por vírus.

O programa de antivírus não detectou nada e seu celular continua com desempenho suspeito? Coloque no Modo de Segurança. É uma ferramenta muito útil, pois protege seu equipamento e também desliga todo o acesso a aplicativos baixados de terceiros, impedindo que eles rodem no seu celular. Isso evita que a situação piore, caso o celular esteja realmente infectado.

Para entrar no modo de segurança, é bem simples:

  1. Ative a função “Desligar” do aparelho;
  2. Aperte e segure “Desligar” até aparecer a tela de “reboot no modo de segurança”. Se não aparecer, o fórum oficial do seu modelo de celular pode ensinar o método do seu smartphone fazer reboot.
  3. Clique em OK;
  4. Espere reiniciar. Você verá a marca d’água do “Modo de Segurança” em um dos cantos da tela.

Já com o celular funcionando em Modo de Segurança, vá em Configurações, depois Aplicativos, e então Baixados. Na lista de aplicativos baixados, tente localizar o aplicativo malicioso que está no seu smartphone. Para ajudar a achar, pense em quando o aparelho começou a funcionar de maneira estranha e cheque se um aplicativo que você não baixou está na lista.

Desinstale o aplicativo suspeito e então reinicie seu celular normalmente, dessa vez sem entrar no Modo de Segurança. Isso deve funcionar para eliminar por completo o vírus.

Faça uma limpeza após a limpeza

Para aumentar a segurança, após se livrar do vírus, faça uma limpeza no sistema do seu celular. Aproveite para limpar o cache, histórico, processos de partida e eliminar aplicativos de pouco uso, garantindo que seu aparelho passe a funcionar mais leve e melhor.

Já com o sistema limpo, uma dica importante é fazer o backup do seu Android. Desse modo, você fica seguro para que no futuro possa fazer uma restauração total sem se preocupar com perda de dados.

Se nada mais funcionar, restaure

Caso nenhuma dessas opções dê certo, apele para a restauração para as configurações de fábrica. E ainda que isso signifique perder arquivos e dados pessoais, é a única saída definitiva para recuperar o funcionamento do seu aparelho em todas as suas funções.

Com essas dicas, você garante que seu celular se mantenha seguro de ameaças externas, conseguindo inclusive solucionar eventuais invasões de vírus com medidas muito simples.

Que tal colocá-las em prática agora mesmo? Não deixe de ler nosso Manual de Boas Práticas sobre como se manter seguro na internet, para saber mais sobre o tema.

Gostou da notícia?

Veja mais sobre
AntivírusmobileSegurança
campo obrigátório

Cadastro efetuado com sucesso!

Em breve você receberá o melhor da tecnologia no seu email