A realidade aumentada que faz parte de nosso dia a dia

Além de proporcionarem diversão, aplicativos com realidade aumentada se multiplicam para tornar a vida mais fácil

27/04/2018 às 13:42

Você se lembra do Pokémon Go? Do seu incrível sucesso em 2016, quando muita gente saía pelas ruas caçando monstrinhos animados com seus celulares? Aquele pode ter sido um de seus primeiros contatos com a tecnologia da realidade aumentada, ou RA. O Pokemón Go ficou só na memória. Hoje temos RA em nossas redes favoritas, além de ela ser usada para decoração, traduzir idiomas e até experimentar tatuagens.

O que é RA exatamente?

Realidade aumentada é a combinação de elementos reais com elementos virtuais. No jogo Pokémon Go (iOS, Android), as pessoas perseguiam criaturas virtuais em parques, lojas, shoppings, e muitos outros lugares. Esses, sim, elementos reais.

Pokemón Go, da empresa Niantic, de São Francisco, Califórnia, foi febre no mundo todo. Uma febre passageira, cabe ressaltar. Chegou rapidamente aos 200 milhões de usuários logo após o lançamento, em julho de 2016. Já no final de agosto do mesmo ano os números começaram a cair. E, em outubro, a maior parte dos jogadores já havia abandonado o game. Mais um pouco e ficaram apenas 4% dos gamers originais.

Esses ainda fazem uma ou outra caçada de vez em quando, mas sem assiduidade. O Pokémon Go fracassou por não conseguir fidelizar seus clientes. E também porque as atualizações feitas para aumentar o interesse não deram certo.

Pokémon Go foi, mas a RA só cresce

Você sabia que suas redes sociais preferidas também usam realidade aumentada? No Facebook, a ferramenta está presente no FB Stories. São os filtros e stickers que podem ser aplicados em conjunto com as fotos e vídeos que você tira ou grava com o app. No Instagram Stories, a RA permite o uso de muitos filtros e até fotos animadas.

Pessoa jogando Pokémon Go em uma rua, preste a capturar um Onix.

Pokémon Go já teve os seus dias de glória, mas segue sendo um marco na popularização da tecnologia de realidade aumentada Imagem: Pokemon Go

Também o Snapchat, que possibilita mensagens instantâneas em Android e iOS, usa RA. Ele tem uma função chamada World Lenses, que é realidade aumentada pura. Ao ativar a câmera traseira com o aplicativo, dá para inserir nuvens, flores, arco-íris e outros itens tridimensionais na imagem ou vídeo que você está registrando.

7 apps legais com realidade aumentada

Quer conhecer mais apps com realidade aumentada? Vamos lá:

InkHunter

Este é para fãs de tatuagens, que podem baixá-lo em Android e iOS. Ele permite que você visualize como ficaria sua próxima tatoo antes de submeter-se às agulhas. É só escolher entre desenhos de sua galeria de imagens ou entre as propostas do próprio app.

Aplicativo InkHunter

Simule em sua pele sua próxima tatuagem com o aplicativo InkHunter. Imagem: divulgação

AR MeasureKit

Ferramenta bem útil, que usa a realidade aumentada para medir tamanhos de objetos, distâncias, ângulos, alturas e inclinações. Tem somente para iOS, funcionando em iPhones e iPads que tenham no mínimo o iOS 11.

AR MeasureKit

Utilize a câmera do seu dispositivo para fazer medições. Imagem: divulgação

Google Tradutor

Por essa você não esperava: o tradutor do Google também usa a realidade aumentada. E é muito útil. Basta apontar a câmera do seu celular para uma palavra ou frase, e ela é traduzida diretamente. Especial para, em viagens, traduzir placas e outras indicações. O Google Tradutor funciona em 103 idiomas. Versões para Android e iOS.

Google Translate

Realizar traduções vira uma tarefa simples e interativa. Imagem: divulgação.

Transparent Earth

Um brinquedo com o qual você pode se divertir por horas. A ideia é descobrir onde você sairia se pudesse cavar um buraco e atravessar até o ponto oposto na Terra. O app responde essa pergunta por meio do recurso de realidade aumentada. É como se o globo ficasse transparente e você usasse um raio X. Você pode descobrir a localização de muitas cidades em relação à sua. Para iOS e Android.

App de realidade aumentada Transparent Earth

Divirta-se descobrindo o que há do lado oposto do planeta em relação ao seu lugar. Imagem: Transparent Earth

WallaMe

Esse app para iOS e Android permite colocar mensagens e fazer desenhos virtuais na localização que você quiser, e depois compartilhar sua criação com outros amigos.

WallaMe

Deixe sua mensagem virtual no mundo real. Imagem: divulgação

Holo

Permite adicionar modelos 3D ao cenário à sua volta e fazer fotos ou vídeos divertidos com eles. São hologramas de animais como tigres ou macacos, mais pessoas reais, o que desejar. Para Android e iOS.

Holo

Adicione elementos virtuais ao seu redor e cria composições criativas. Imagem: divulgação

Ghost Snap

É um jogo de terror, que de tão intenso até parece real. Enquanto ouve passos e barulhos estranhos pelos fones de ouvido, o jogador deve encontrar e fotografar anormalidades com a câmera do seu smartphone. E tem alguém o perseguindo… Disponível para Android.

Ghost Snap

Realidade aumentada e sustos garantidos. Imagem: divulgação

Um app da gigante Ikea

E a realidade também começa a ganhar força no mundo dos negócios. Vira ferramenta de vendas e de apoio ao consumidor na hora de escolher o produto.

Um exemplo é o Ikea Place, app da gigante sueca do ramo do mobiliário. Ela aproveitou o lançamento do iOS 11 e do ARkit (o kit de RA da Apple, não deixe de ir à página dele) para criar um aplicativo com RA. Permite aos clientes experimentar ideias e soluções de mobiliário e decoração. Funciona em qualquer espaço, seja a sua casa, escritório, escola ou estúdio. O app coloca todos os móveis do catálogo da Ikea onde você quiser – na sua sala ou quarto, em escala, com precisão de 99%.

E um similar da Tok&Stok

A Ikea não opera no Brasil, mas a brasileiríssima Tok&Stok criou um app bem semelhante, também com RA. Com a câmera do seu celular você pode inserir os móveis Tok&Stok em ambientes de sua casa. Dá para ver muito bem como cada móvel ficaria nos cômodos de seu lar. O app chama-se Tok&Stok DecoRA e está disponível para iOS.

A liderança é da Apple

Você notou que alguns destes apps, os mais sofisticados tecnologicamente, só funcionam em iOS? Com a versão 11 do sistema operacional da Apple e chegada do ARkit, a empresa assumiu liderança no uso da RA.

Mas os chineses vêm aí

A liderança da Apple em realidade aumentada, entretanto, está ameaçada. E por um concorrente chinês. Trata-se da Oppo, fabricante de smartphones que acabou de garantir um financiamento de US$ 600 milhões (R$ 2,4 bilhões) para desenvolver novas formas de RA. Enquanto a Apple usa somente componentes caros, a Oppo pretende conseguir resultados similares com produtos baratos.

Além disso, a China aposta em uma integração entre hardware e software. Mais: a Oppo abrirá sua tecnologia para outros fabricantes chineses de smartphones, como forma de diminuir as vendas da Apple.

De qualquer forma, a empresa americana não está parada. Com o recém lançado iOS 11.3, o ARKit chegou à versão 1.5, com melhor reconhecimento facial e de superfícies irregulares. E um ARkit 2.0 pode ser lançado antes do segundo semestre de 2018.

Quer saber sempre as últimas novidades sobre RA? Então siga nos acompanhando no VivoTech e aproveite para ler 5 fóruns para tirar dúvidas e trocar informação sobre novidades tecnológicas

Gostou da notícia?

campo obrigátório

Cadastro efetuado com sucesso!

Em breve você receberá o melhor da tecnologia no seu email